Home Notícias Vendas de veículos importados crescem 30% em agosto

Vendas de veículos importados crescem 30% em agosto

0

Mas, em comparação a agosto de 2021, os emplacamentos registram queda de 30,8%

As onze marcas filiadas à Abeifa – Associação Brasileira das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotores, com licenciamento de 4.844 unidades, das quais 1.577 importadas e 3.267 veículos de produção nacional, anotaram em agosto último aumento em suas vendas de 30% ante julho de 2022, quando foram comercializadas 3.726 unidades. Comparado a agosto de 2021, no entanto, a redução é de 30,8%: 4.844 unidades contra 7.001 veículos.

Na importação, as 1.577 unidades vendidas significaram aumento de 12,6% ante as 1.401 unidades de julho de 2022 e redução de 27,9% ante agosto de 2021; enquanto na produção nacional – com 3.267 unidades – a alta de vendas foi de 40,5% ante as 2.325 unidades do mês anterior, mas redução de 32,1% em relação a agosto de 2021 (4.813 unidades).

Com esse desempenho de agosto, as marcas associadas à Abeifa anotaram no acumulado do ano 37.138 unidades licenciadas, 24% inferior às vendas dos oito primeiros meses do ano passado, que representaram 48.887 unidades.

“Há uma demanda reprimida de veículos importados com mais tecnologia de eletrificação, tanto de 100% elétricos como de híbridos. No entanto, ainda por conta do desabastecimento de insumos, em especial de semicondutores, as nossas matrizes não conseguem nos entregar volumes mais expressivos”, explica João Henrique Garbin de Oliveira, presidente da Abeifa, para quem – diante desse cenário – a previsão de fechamento de 2022 é de cerca de 55.000 unidades, ou seja, 24,8% inferior à totalização de 73.176 unidades no ano passado.

Participações – Em agosto último, com 4.813 unidades licenciadas (importados + produção nacional), a participação das associadas à Abeifa foi de 2,5% do mercado total de autos e comerciais leves (194.142 unidades). Se consideradas somente as 1.577 unidades importadas, as associadas à entidade responderam por apenas 0,81% do mercado interno brasileiro, enquanto as unidades nacionais, com 3.267 veículos, significaram marketshare de 1,68%.

Se considerado o acumulado de janeiro a agosto, as associadas à Abeifa respondem por 3%: 37.138 unidades ante o mercado interno brasileiro de 1.214.385 veículos.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias

Deixe um comentário

Veja também

Nova campanha do Fiat Fastback: um salto na categoria de SUVs

Filme estreia hoje com 30” no intervalo das novelas da Rede Globo e no domingo (2 de outub…