Home Notícias Renault Duster ganha versão Intense com transmissão manual

Renault Duster ganha versão Intense com transmissão manual

Comentários desativados em Renault Duster ganha versão Intense com transmissão manual

Com mais equipamentos de série, nova versão substitui modelo Zen manual na linha

A Renault do Brasil passa a ofertar uma nova opção do Duster para seus clientes, a Intense com transmissão manual de cinco velocidades. Ela chega com mais equipamentos de série, mantendo todas as características de robustez, conectividade, versatilidade com o maior porta-malas da categoria, atendendo ao consumidor que busca uma opção de SUV com transmissão manual.

Em comparação com a versão Zen descontinuada, o Duster Intense 1.6 manual traz rodas de liga-leve de 16 polegadas, faróis de neblina, limitador de velocidade e controle de cruzeiro, câmera de ré com guias dinâmicas, sensores de estacionamento traseiro e multimídia Display Link de 8” com seis alto-falantes e conectividade sem fio com os sistemas Apple CarPlay e Android Auto.

O motor desta versão é o 1.6 SCe com potência máxima de 120 cv e do torque de 16,2 kgf. O propulsor traz duplo comando de válvulas variável na admissão, injetores posicionados no cabeçote que garantem alta eficiência e bom desempenho desde as baixas rotações.

Com a mudança, a gama Duster passa a ser composta dos seguintes modelos:
Duster Intense 1.6 manual: R$ 109.390,00
Duster Intense 1.6 CVT: R$ 118.590,00
Duster Iconic 1.6 CVT: R$ 126.790,00
Duster Iconic turbo 1.3 TCe CVT: R$ 141.290,00

Em 2020, o Duster passou por sua mudança mais profunda, com a sua nova geração, para dar continuidade a uma história de sucesso. Por fora, o SUV trouxe um design completamente novo, com linhas mais musculosas, que transmitem imponência e robustez, com um desenho mais aerodinâmico, graças à redução do ângulo do para-brisa e aumento da sua linha de cintura. O interior, por sua vez passou por uma verdadeira revolução, com mais qualidade percebida e melhor ergonomia.

Neste ano, o Duster recebeu uma grande novidade: a ampliação da gama de versões com a adoção do novo motor turbo TCe (Turbo Control Efficiency) 1.3 flex, combinado ao eficiente câmbio automático CVT XTRONIC® de oito marchas na versão Iconic. Com isso, o SUV mais vendido da marca no país se torna ainda mais dinâmico e ágil, graças à nova potência de 170 cv e ao maior torque do segmento de 27,5 kgfm.

Mesmo com todas as mudanças, o SUV manteve as suas características-chave, com robustez, versatilidade e espaço interno, com o maior porta-malas da categoria com 475 litros de capacidade.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Nova campanha do Fiat Fastback: um salto na categoria de SUVs

Filme estreia hoje com 30” no intervalo das novelas da Rede Globo e no domingo (2 de outub…