Home Notícias BMW: planta Araquari comemora Mês do Meio Ambiente ampliando ações locais

BMW: planta Araquari comemora Mês do Meio Ambiente ampliando ações locais

Comentários desativados em BMW: planta Araquari comemora Mês do Meio Ambiente ampliando ações locais

Projeto ambiental registra maior quantidade e diversidade de espécies em relação ao início do monitoramento, aplicado antes da construção da fábrica.

No mês em que é celebrado o Dia do Meio Ambiente (5 de junho), a fábrica do BMW Group em Araquari tem muito a comemorar. Isso porque, além dos investimentos contínuos em economia de energia elétrica e água e para a redução de emissão de CO2, o monitoramento da fauna e da flora nos arredores da planta traz números cada vez melhores.

Desde antes da implantação da fábrica de veículos premium, em 2014, é feito o acompanhamento e a recuperação da fauna e flora locais. A área, monitorada desde 2013, inclui o espaço ocupado pela planta, o terreno total e as áreas arredores (caso da fauna Biota Aquática, o Rio Piraí, que fica próximo à fábrica), totalizando quase 470 hectares de área monitorada.

E as notícias são boas! Desde o início do monitoramento, a flora apresenta comportamento positivo e a fauna tem ampliado a quantidade de espécies, quando comparado ao cenário encontrado antes da construção da unidade fabril. Além dos quero-queros, vistos diariamente pelos colaboradores que vão para a fábrica, outras espécies podem ser admiradas na região próxima às áreas de produção. Além dessas aves, outras espécies são monitoradas pelas câmeras trap (armadilhas fotográficas) instaladas durante os monitoramentos nas áreas de mata ao redor da planta.

Alguns dos animais identificados fazem parte de listas internacionais de espécies ameaçadas, como a International Union for Conservation of Nature Red List, e listas locais, como a lista de espécies de fauna ameaçada de extinção em Santa Catarina. . Entre os animais ameaçados registrados ao longo do monitoramento estão os mamíferos Gato-do-Mato-Pequeno, Lontra, Esquilo Serelepe e as aves Pavó, Gralha-Azul, Maria-da-Restinga, Tiê-Sangue, Saíra-Sapucaia e Maria-Catarinense. Até o momento, foram registradas 14 espécies de mamíferos, 203 de aves e 37 de anfíbios e répteis.

“Nosso trabalho vai além de monitorar, inserindo nossa fábrica de forma a não apresentar impactos na flora e fauna locais. É gratificante ver que não apenas a variedade aumentou como comprovar que as mais diversas espécies passaram a frequentar nossa área comprovando a segurança das operações”, afirma Vivaldo Chaves, Diretor de Infraestrutura e Meio ambiente do BMW Group Brasil.

Além do fato de a fauna ter retornado aos números vistos antes da construção da fábrica, outro dado a ser celebrado é que a planta Araquari já alcançou a meta de zero envio de resíduos para aterro.

Sustentabilidade e preocupação com meio ambiente é foco do BMW Group no Brasil e no mundo

A fábrica em Araquari já conta com eletricidade proveniente de fontes renováveis, promovendo a redução das emissões de CO₂ em suas atividades — por meio da certificação I-REC, um instrumento de compensação do consumo de energia elétrica proveniente de fontes que emitem CO₂ na atmosfera.

Além disso, desde o fim de 2020, a planta Araquari instalou e vem ampliando anualmente uma área com placas fotovoltaicas no telhado do prédio da Montagem. Os atuais 2.543 metros quadrados geram 600MWh de energia por ano. Com isso, a fábrica deixa de emitir cerca de 157,2 toneladas de CO₂ por ano, ocupando 5,0% do telhado do prédio da Montagem — área que deve passar por novas ampliações.

A planta, que tem área total de 1,5 milhão de metros quadrados, sendo 112.893 metros quadrados de área construída, também conta com sustentabilidade e foco no meio ambiente na hora de cuidar da segurança de seus colaboradores.

Desde 2021, dispõe de um Veículo Elétrico Compacto de Combate a Incêndio, como mais um passo na direção global da marca em garantir o futuro da mobilidade sustentável. A Unidade de Combate Incêndio Elétrica (UCI Elétrica) foi desenvolvida especialmente para a planta catarinense da marca bávara e é o primeiro modelo com essa configuração fabricado no Brasil.

Outro destaque no reaproveitamento e descarte de resíduos são os projetos Seal the Deal — que tem como objetivo reaproveitar resíduos de selante PVC como matéria-prima e inseri-los novamente na cadeia de criação de valor — e o Upcycle Element, em que excedentes de material de produção são doados a mulheres de baixa renda para que os transformem em produtos e a renda obtida ajude suas famílias.

Com essas e outras ações, a planta segue também a meta do BMW Group no mundo de reduzir a emissão de CO₂. Uma das metas atingidas, que devia ser alcançada até 2030, é reduzir em 80% a emissão de CO₂ na produção, por veículo. Outras metas que estão na lista é reduzir em 20% a emissão de CO₂ por veículo na cadeia produtiva e em 50% na fase de uso, também por veículo.

Artigos Relacionados
Leia mais em Notícias
Comentários estão fechados

Veja também

Jeep vende volume do ano da Gladiator em apenas 3 horas

Clientes esgotaram lote inicial de 322 unidades em 3 horas, confirmando o sucesso total da…